Pages

terça-feira, 16 de junho de 2015

O Maranhao despedi-se do comentarias esportivo Herbeth Fontinele

SÃO LUÍS – Morreu na madrugada desta terça-feira (16), o comentarista esportivo Herbert Fontenele aos 73 anos. Ícone do rádio maranhense com uma personalidade forte e opiniões críticas, Fontenele lutava contra um câncer de próstata desde 2009, e foi internado no domingo (14), no UDI Hospital, em São Luís. Mesmo realizando o tratamento contra a doença, o comentarista seguia trabalhando, normalmente, na rádio Mirante AM e na TV Mirante. Fontenele também participava de transmissões do Campeonato Brasileiro da Série B pelo SporTV.

Apesar de ter feito sucesso no Maranhão e ter se tornado em uma referência no jornalismo esportivo no Estado, Fontenele é natural do Piauí. Ele chegou ao Maranhão aos 17 anos. Aos poucos, foi ganhando espaço no cenário local e se tornando uma das vozes mais importantes do radialismo maranhense. Com 55 anos dedicados ao jornalismo esportivo, Fontenele é um dos poucos que pôde se orgulhar de ter trabalhado em três Copas do Mundo.

Anos após integrar a equipe da Mirante AM, Fontenele, que tornou-se o “Comentarista do Povão”, também foi a televisão. Na TV Mirante, ele apresentou o já extinto Camisa 10 e o Globo Esporte, até chegar ao Bom Dia Mirante, onde tinha participação especial diariamente.

“Gosto de fazer televisão. Estar na TV Mirante pela audiência que tem pode satisfazer teu ego. Você se torna uma pessoa pública. Fiquei muito mais conhecido do torcedor, da comunidade depois que eu vim para a TV Mirante pelo alcance que tem no Estado todo. Isso te satisfaz e te dá prazer”, disse o “Comentarista do Povão” durante entrevista exclusiva ao Imirante Esporte em 2012.

Em 2013, o comentarista chegou a ser destaque em uma reportagem da Revista Veja sobre a sua luta contra o Câncer. “O sofrimento era tão grande que cheguei a pensar que deveria ter deixado a doença seguir seu rumo natural”, revelou Fontenele à época.

Na última edição do Troféu Mirante Esporte, Herbert Fontenele foi homenageado pelo Grupo Mirante. Na ocasião, o comentarista se emocionou ao relembrar momentos marcantes de sua carreira e da luta contra o câncer.

Relembre:

Herbert Fontenele é homenageado no Troféu Mirante

Fontenele: a experiência do rádio em benefício da TV

“Isso é uma bênção receber uma homenagem desse tipo. Faço o que gosto, o que sei fazer, não me imagino fazendo outra coisa. Fico muito grato, eu não mereço tanto, gostaria de ter feito muito mais, mas esse Troféu é a cereja no bolo, veio para coroar. Para fazer tudo isso, sempre tive o apoio da minha família. Minha esposa sempre está me acompanhando. É ela quem me julga, me impulsiona e dá coragem”, disse Fontenele ao ser homenageado.

0 comentários: