Pages

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Violencia no Maranhão está sem limites: Frentista é assassinado em assalto ao Posto Paloma, na Vila Cascavel

Um assalto ao Posto Paloma, na entrada da Vila Cascavel/São Raimundo, por volta das 19h30 deste domingo(16), resultou a morte de um frentista. A vítima foi identificada como Carlos Eduardo do Nascimento de Jesus, conhecido como Índio, de 29 anos. Ele residia na Rua 02, quadra 01, no Conjunto São Raimundo. A frentista Flávia Regina Pereira também foi alvejada com um tiro e levada em estado grave ao Socorrão II, na área da Cidade Operária.

Pelas informações de policiais militares, o latrocínio foi praticado por dois elementos que, depois de conseguirem pegar o dinheiro que estava com os frentistas, atingiram Carlos Eduardo com um tiro no tórax. O frentista, depois de atingido, ainda tentou correr para a Loja de Conveniência, mas terminou morrendo.
 
Os assaltantes fugiram em direção ao Conjunto São Raimundo. Várias viaturas da PM foram acionadas para tentar localizá-los.
Dezenas de moradores da área da Cascavel e São Raimundo foram até o local de mais esse latrocínio. Muitos lamentavam a onda de violência que toma conta daquela região da cidade.
Neste momento, peritos do ICRIM estão fazendo a perícia no local.
O presidente do Sindicato dos Frentistas, Kelps da Costa Oliveiras, esteve no local do latrocínio para acompanhar de perto os trabalhos da perícia. Ele informou ao blog que, em conversa com a família da vítima, o frentista estava trabalhando há três meses no Posto Paloma, sem carteira assinada.
“Todos sabem que, mesmo em período de experiência, todo trabalhador tem que estar com carteira assinada. A partir desta madrugada, estaremos deflagrando um movimento grevista para reivindicar melhores salários e condições de trabalho. Os patrões não contratam segurança e deixam os trabalhados expostos ao perigo permanente”, diz Kelps.
Ele acrescenta que muitos frentistas, depois do expediente, são obrigados a ficar vigiando postos.

A  concentração dos frentistas vai ser na sede do Sindicato, na Casa do Trabalhador, na manhã desta segunda-feira.

Do blog do Gilberto Lima

0 comentários: